« Home | Dia de Anos Com que então ... » | Vamos receber os campeões de madrugada » | Porque hoje é dia 8, a minha homenagem a uma Mulhe... » | "Brokeback Mountain" - O filme ... » | "O GATO NA PAISAGEM" » | » | May Allah have mercy on mine soul (Part II) » | May Allah have mercy on mine soul (Part I) » | não vou dizer que o texto é meu, porque ... » | (há gestos que calam o agr... » 

10 março 2006 

























a beleza das causas; as causas da beleza


Aos Meus Amigos

Não sei ser alegre
com hora marcada
em data específica.
Perversas e doridas
as palavras escasseiam.
Sabem a sal.

A cada momento
invento a coragem.
Para amar
para continuar
para ser.

Deixo-vos as palavras do poeta.
(que não sou ... nem sei)

Júlia

--------------------------------------------------------------------------------

Canção da Coragem

Nem que a morte me soltasse
todas as velas do sangue
deixaria a minha casa
como se fosse um culpado.

Nem que a morte me soltasse
todas as velas do sangue.

Nem que a morte me dissesse:
"-- Virás, de noite, comigo...",
eu trairia um amigo.
Nem que a morte me levasse.

Nem que a morte me dissesse.
Nem que a vida me fugisse.

Nem que a morte me fechasse
todas as portas do sonho
deixaria de cantar.
Nem que a morte me calasse.

Nem que a morte me fechasse
todas as portas do sonho.

Nem que a morte acontecesse
bem por dentro dos meus olhos
eu deixaria de ver
todo o amor de joelhos.

Nem que a morte acontecesse
ou, meu amor, eu cegasse.

Ai, nem que a morte viesse
como só vem a tristeza
eu me dava por vencido.
Nem que a morte me doesse.

Ai, nem que a morte viesse
como só vem a tristeza.

E se a morte violentasse
as paredes do meu peito
meu coração lá estaria
como uma rosa de esperança.

Como um pássaro de sangue
poisado nas tuas mãos.

(Joaquim Pessoa in Amor Combate)

Tenho para mim que, quem é capaz de se emocionar com poemas como estes que seleccionaste, também é poeta.

k bela e doce poética escolheste.
bjocas larocas

Se a Júlia escolhe um poema como este, também é poeta, dentro de si. Só não o sabe! :)

belissimos... adorei. beijinhos grandes

A teimosa devia ter levado um poema!

Mas eu não sei fazer poesia... apenas uns pequenos jogos com as palavras, por vezes. Mas adoro, leio e divulgo.
Só a Titas e a sua imensa generosidade pode colocar-me aqui em destaque neste painel de amigos...
A foto escolhida é maravilhosa! Adoro o preto e branco, o claro-escuro, as sombras e a luz.

Best regards from NY!
» » »

Looking for information and found it at this great site... here

Enviar um comentário